Olhar seguro para o futuro.

News e artigos

Confira mais informações importantes da Holanda Oftalmologia.

A Visão Na Infância - Teste do Olhinho

Data: 31 Out 2016

Importância do Teste do Olhinho

Todo recém-nascido deve fazer um exame oftalmológico?

Já existe uma sistemática para triagem dos problemas oftalmológicos em recém-nascidos que é o “Teste do Reflexo Vermelho” (descrito por Brückner em 1962), popularmente chamado de “Teste do Olhinho”. Esse teste deve ser realizado pelo pediatra neonatologista ou a equipe de enfermagem do berçário já no primeiro exame das 12h de vida do recém-nascido, e caso seja detectada alguma anormalidade nos olhos do nenê, deverá ser encaminhado para exame oftalmológico. Ao contrário do “Teste do Pezinho”, que é bastante conhecido nacionalmente (até por ser obrigatório), os testes da “Orelhinha” e do “Olhinho” são muito menos difundidos entre os pais.

Como é realizado o exame?

Deve-se enfatizar que este teste é de fácil execução, não dói, não precisa de colírio e depende apenas de algum treinamento da equipe que faz o primeiro exame do recém-nascido. Para fazê-lo, é usada uma lanterninha ou a luz que sai do oftalmoscópio (aparelho de fazer exame de fundo de olho), e observa-se o reflexo que vem das pupilas ao serem iluminadas. Quando a retina é atingida por essa luz, os olhos saudáveis refletem tons de vermelho, laranja ou amarelo, dando aquele reflexo avermelhado, que às vezes aparece nas fotos.

Que tipo de sinal deve ser observado nos olhos dos recé-nascidos que indique alguma alteração ocular?

Esse teste do reflexo vermelho em recém-nascidos é uma forma de avaliação visual, permitindo a identificação precoce de leucocoria (pupila branca) que ocorre em casos de catarata congênita, retinoblastoma (tumor da retina) e retinopatia da prematuridade. No “Teste do Olhinho”, observa-se a simetria do reflexo vermelho, pois se não for simétrico indica problema em um dos olhos. Já quando há alguma alteração, não é possível observar o reflexo normal, ou sua qualidade é ruim, esbranquiçada. A comparação dos reflexos dos dois olhos também fornece informações importantes, como diferenças de grau entre olhos ou o estrabismo.

Poderia dar exemplos de reflexo normal e alterado?

Veja as figuras a baixo que mostram um dos olhos com reflexo alterado; nesse caso é o chamado “olho de gato”, que indica um tumor infantil, o retinoblastoma, raro, mas muito grave. Dra. Keila Monteiro de Carvalho professora associada de oftalmologia fcm/unicamp e secretária-geral do cbo 18 Veja Bem 05 ano 02 2014 Oftalmopediatria


Qual a porcentagem de encontro de problemas nos recém-nascidos?

Segundo dados estatísticos, essas alterações atingem cerca de 3% dos bebês em todo o mundo. Em um estudo científico descritivo, realizado em uma instituição pública, em Fortaleza – CE, de novembro/2005 a março/2006, objetivou- -se analisar, em consulta pelo oftalmologista, o resultado da avaliação pelo teste do reflexo vermelho realizado por enfermeiras, considerado “suspeito” em um grupo de recém-nascidos. Foi realizado por duas enfermeiras e uma aluna de enfermagem com 180 recém-nascidos; 24 destes apresentaram coloração do reflexo fora do padrão, sobressaindo-se amarelo com áreas mais esbranquiçadas ao centro ou com presença de rajas. Após o exame de fundo de olho pelo médico, os achados no teste do reflexo vermelho foram confirmados, porém considerados variações da normalidade. O estudo mostrou que intervenções multiprofissionais favorecem o desenvolvimento de ações eficazes voltadas à prevenção da cegueira e continuidade do processo de cuidado para as crianças recém-nascidas.

Além do Teste do Olhinho, há mais alguma informação que se deve fornecer aos pais a respeito de testes visuais no lactente?

Os prematuros que nascem com peso abaixo de 2 kg devem obrigatoriamente realizar um exame de fundo de olho com oftalmologista pediátrico ainda no berçário, com quatro semanas de vida; e a seguir, a cada quatro semanas até atingirem 33 semanas de vida, de modo que afaste o risco da retinopatia da prematuridade, principal causa da cegueira infantil na América Latina. Nos prematuros com muito baixo peso, a retina ainda está imatura ao nascer e o risco de desenvolver retinopatia da prematuridade só vai diminuir se, com 33 semanas de vida, o recém-nascido estiver normal nesse exame de fundoscopia com oftalmoscópio indireto realizado pelo especialista. Ocorre que às vezes as crianças têm alta do hospital antes dessas 33 semanas de vida e os pais não são orientados, ou esquecem, e a retinopatia desenvolve-se depois que saiu do hospital. Por isso, é muito importante alertar os pais desse problema e ter certeza que irão procurar o oftalmologista até que este dê alta à criança, ou trate se houver indícios do início da doença. “Os prematuros que nascem com peso abaixo de 2 kg devem obrigatoriamente realizar um exame de fundo de olho com oftalmologista pediátrico ainda no berçário, com quatro semanas de vida (...)”

Referências:

CARDOSO, Maria Vera Lúcia Moreira Leitão et al. Recém-nascidos com reflexo vermelho “suspeito”: seguimento em consulta oftalmológica. Esc. Anna Nery, Rio de Janeiro, v. 14, n. 1, Mar.2010.Availablefrom. Acesso em 26 out. 2014. http://dx.doi.org/10.1590/S1414- 81452010000100018.

MORAES NSB, Calligaris LSA. “Teste do Reflexo Vermelho”. In NAKANAMI, CR;ZIN, AA;BELFORT JR, R. Oftalmopediatria. São Paulo: Roca, 2010. p.79-82.

TONQUE, AC & CIBIS, GW: Brückner test. Ophthalmology 88 (10) : 1041-1044, 1981.

ROE, LD & GUYTON, DL. The light thatleaks: Brückner and the red reflex. Survey Ophthalmol. 28(6): 665-670, 1984.

 

Artigo publicado na revista Veja Bem CBO em Revista |05|ano02|2014

Dra. Keila Monteiro de Carvalho professora associada de oftalmologia fcm/unicamp e secretária-geral do cbo